quinta-feira, 30 de maio de 2013

Resenha: Lola e o Garoto da casa ao lado -- ♥♥♥♥

Hoola Amigos!
Eu sei, eu sei, deveria ter postado essa resenha mês passado (mesmo eu tendo lido o livro no comecinho de janeiro)... MAS é que estava com falta de tempo e inspiração para isso (apesar de eu ter AMADO o livro!) então, para compensar vocês, meus lindos leitores, esse mês irei publicar 2 resenhas! Essa, e a de Um Homem de Sorte (que terminei de ler no final de janeiro)...
Bom, Let's Get to Work!


Dolores, Lola Nolan tem 17 anos e um senso de estilo muuito único. Apaixonada por moda, costuma se expressar por suas roupas nada discretas, perucas coloridas e muita atitude. Ela gosta de 'causar' e não liga para o que os outros pensam. ;)

 
 
Ah, não posso deixar de acrescentar que ela quer ir de Maria Antonieta no baile de formatura e sua proposta de Ano Novo foi nunca usar o mesmo look.
Tudo em sua vida poderia ser mais fácil se seus pais (que são super fofos. Gostei mais do Andy - que faz tortas -) aceitassem Max, seu namorado que é 5 anos mais velho e bem do tipo bad boy. E ele é a pessoa mais chata do universo, mas isso não vem ao caso.
Mas o problema com Max e os períodos de turbulência com sua mãe biológica é o de menos quando a Família Bell está de volta à casa ao lado. E para Lola, que passou anos tentando apagá-los de sua memória, esse retorno é sinônimo de problemas. (Muuuitos problemas).

No começo do livro, há um certo 'mistério' (que eu achei fácil de desvendar) sobre o que aconteceu entre Lola e os gêmeos, Calliope e Cricket Lindo Perfeito Maravilhoso. Sabe-se que eles eram bem amigos, mas alguma coisa fez com que isso mudasse e Lola sofresse.


Deixando esse 'suspense' para o fim da resenha, vamos falar do lindo do Cricket, que é um doce de pessoa, que abre mão de toda a sua vida para seguir e apoiar a irmã e ele REALMENTE sabe o que quer e não fica de mimimi como o St. Clair (personagem de Anna e o Beijo Francês - da mesma autora - que aparece no livro junto de Anna!). E uma coisa que eu achei muuuito fofa sobre esse personagem, é o fato de ele escrever uma palavra/desenhar um símbolo todos os dias em sua mão, como por exemplo, "chave de fenda" ou o desenho de uma estrela.
fan art de como os personagens seriam.
Concordo com todos, menos
com a Lola, a Lindsey (que achei que fosse loira) e
 com a cor do cabelo do Max!
hahahahah
E como estava dizendo, esse mistério todo é beem previsível, aliás, todo o enredo é (por isso que ele é 4 estrelinhas) mas não o enredo que te prende da página em que o Cricket aparece (porque vamos combinar, o Max não conta hahaahah) até a última frase do livro. Stephenie sabe escrever muito bem, o que me deixou muuuuito anciosa para saber como o final ocorreria.  

A leitura é levíssima, cheia de momentos fofos e divertidos, perfeito para aquela tarde tranquila de não fazer nada, para quem quer se apaixonar por Cricket suspirar e se divertir muito com a o livro!
Ah, e para quem amou Anna e o Beijo Francês, (li os 6 primeiros capítulos e pretendo continuar!) este livro é uma ótima pedida. Steph tem um jeito doce e simples de contar histórias e criar personagens que faz com que seja impossível não amá-los. (Tirando o Max, né? hahahahahh) 

Ah! Não posso deixar de falar, que o livro é cheio de frases fofas, principalmente as do Cricket!



Eu sei que você não é perfeita, mas são as imperfeições de uma pessoa que a tornam perfeita para alguém.
Lola e o Garoto da Casa ao Lado


Para fechar com chave de ouro, um poeminha que encontrei no Tumblr sobre o livro :


Lola and the Boy Next Door
Her name is Lo-la. She’s a steal-the-show girl.
With purple stripeys in her hair, wearing leggings worthy of Cher.
She’s friends with Etienne, and of course, with An-na.
The boy next door draws on his hand, and Lola yearns to understand.
Across their midnight lawn, they talked from dusk til dawn.
They were young and needed each other.
But did the boy next door want more?

At Lola’s, Lola Nolan’s Casa.
The hottest thing since Etienne and Anna!
At Lola’s, Lola Nolan’s Casa.
Music, and passion, and geek hipster fashion.
At Lola’s… They fell in love.

His name is Cricket.
He’s an inventor.
He hangs out his window, and keeps his voice real low.
And when she’s within ear, he beckons her near.
But Cricket wouldn’t go too far.
Because Lola had some scars.
And then the tension grew, and hearts were ripped in two.
There was love and some rough nights.
But just who caused the fight?

At Lola’s, Lola Nolan’s Casa.
The most angst since Etienne and Anna!
At Lola’s, Lola Nolan’s Casa.
Sequins and tassels and two gay dad rascals!
At Lola’s… She lost her love.

Her name is Lo-la, still a steal-the-show girl.
But she’s been through teenage hell, all thanks to Cricket Bell.
Now it’s make or break it, for a relationship.
But she still has a boyfriend.
Did I forget to mention him?
Her path is undefined, she’s losing half her mind.
She’s in a bind and in a crunch.
Now she’s about to lose her lunch!

At Lola’s, Lola Nolan’s Casa.
The best fun since Etienne and Anna.
At Lola’s, Lola Nolan’s Casa.
Hair clips and lashes and grand high school dances.
At Lola’s… Does she get her love?
Does she get her love?



E ai, quem já leu/pretende ler?
Comentem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário